A primeira temporada de Pokémon foi um marco na vida de muitas pessoas, tanto no Brasil quanto no mundo. Esse sucesso gigantesco veio em partes por causa dos famosos jogos da franquia, que se iniciaram antes do anime, se tornando um fenômeno no Japão. Porém, o anime que narra as aventuras de Ash, um menino que vive aventuras perseguindo seu sonho de ser um grande treinador Pokémon, foi reconhecido mundialmente não só pelos seus jogos ou pela carisma de seus personagens, e sim pelas grandes polêmicas que o mesmo se envolveu.

Pensando em todas essas polêmicas, hoje vou mostrar a vocês as cinco maiores cesuras do anime Pokémon, que de um modo geral contribuíram e muito para o sucesso da franquia pelo mundo.


O Soldado elétrico Porygon

“O Soldado elétrico Porygon”, deixou Pokémon famoso no mundo inteiro depois de sua exibição no Japão. O tão conhecido episódio 38, que não chegou a ser exibido fora do Japão, causou a maior polêmica da série. Após viajar para um espaço cibernético, Ash e sua turma com a presença do Porygon, seguem para deter a equipe Rocket. Depois que um antivírus lança mísseis em direção ao grupo, Pikachu usa seu famoso Choque do Trovão. Na colisão do choque com os mísseis, a tela pisca durante quatro segundos em azul e vermelho. Esse efeito tinha uma frequência de 12 Hz, o que causou mal-estar nos telespectadores causando tontura, visão manchada, dores de cabeça e náuseas. O problema foi tão grande que levou mais de seiscentas pessoas para os hospitais japoneses com ataques epiléticos. Depois desses acontecimentos, o pokémon Porygon foi totalmente esquecido na série.