Depois de erros seguidos, chegou a hora da Warner acordar pra vida. Já citamos diveeeersas vezes por aqui que seguir a trilha de agradar APENAS os fãs, com referências, easter-eggs e filmes que se tirar o service não sobra nada, todo o universo estaria destinado à lama. Devem ter falado a mesma coisa para o Zack Snyder depois que Batman V Superman foi super recusado pela crítica, e o primeiro teaser de Liga da Justiça, exibido na Comic Con do ano passado, mostrava um sorriso forçado do diretor, tentando agradar gregos e romanos.

Você pode odiar Snyder, mas deve assumir que é um dos diretores com o traço visual mais característico de sua geração. Acha saídas e soluções geniais para obras que nunca seriam imaginadas em outras mídias, como 300 e Watchmen. Você tem que confiar num cara desses. Ele conseguiu juntar o útil ao agradável e trazer a Liga da Justiça que todo mundo sempre quis ver, mesclada com aquele universo sombrio, realista e com consequências que ele mesmo criou. O segundo trailer não mostra um sorriso forçado no diretor, mas sim o diretor colocando um verdadeiro no espectador.

Mulher-Maravilha é o próximo passo desse universo, e o primeiro passo da re-construção dele, mesmo sendo quase um recém-nascido. E se for ruim ? Aí sim teremos um grande problema. Sabe aquele pingo de confiança que sobrava no universo DC ? Ele terá ido por água abaixo. Torçamos que não.

Enfim, o tom está sendo acertado. Não precisa ser nada genérico e enlatado só pra usar a fórmula que faz sucesso com a Marvel, pode ser sombrio e divertido, quem disse que não é possível ?

Agora, Joss Whedon, aquele mesmo que dirigiu os dois filmes d’Os Vingadores, foi anunciado como diretor de um longa solo da Batgirl. Duas notícias totalmente inesperadas e absurdamente animadoras de uma só vez. Whedon faz parte do enorme grupo de diretores-excelentes-que-só-fazem-filmes-com-histórias-ruins. Ele mesmo já tinha falado há um tempo atrás que adoraria dirigir um filme da DC, especificamente do Batman. Sem contar o fato de que ele já tava puto com a Marvel há muito tempo, por interferirem nos seus filmes e tudo mais. Mas é quase certeza de que ele fará um ótimo filme, tendo em vista sua ótima elaboração de personagens femininas e o tom cinematográfico que o universo precisa agora.

O importante é que agora o Universo DC está conseguindo conciliar o que queria fazer com o que PRECISA fazer, e os resultados nos deixam animados. Finalmente tudo está seguindo na direção correta.